Página Inicial Youtube Twitter Facebook

25/09/2017: Alberto Caieiro

 * Amadeu Roberto Garrido de Paula

 

Vou me tornar de repente

Alberto Caieiro

e ver do outeiro

o que chamam de gente

 

Não ver e esquecer

o que me nauseia

nasci e vi minha mãe cheia

de verbos, menos o morrer

 

Vejo o mundo, mas num fundo

longe de minha aldeia, atômico,

pensares de um inferno cômico

olho as ovelhas e choramingo

 

Poeta, tivestes as luzes

de quem quer ver

nada mais tenho a dizer

se o homem pôs seus capuzes.

 

 * Amadeu Roberto Garrido de Paula é advogado, sócio do Escritório Garrido de Paula Advogados.